sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Felicidade

Achei esse texto muito bom!

FELICIDADE
(Kelen Fernandes)

Percebo hoje, após muitos altos e baixos, que tudo nessa vida passa, a alegria passa, a dor passa, o medo passa, o tempo passa...e o mais incrível de tudo é perceber que, a certa altura da vida, a gente perde o medo de sofrer...
Mas, em contrapartida, o tempo nos dá aquela sensação de urgência...como se dissesse: "- O seu tempo está esgotando"...Como se o tempo que você tinha pra sonhar estivesse acabando...Tipo, você tem que ser feliz agora...é a sua última chance...Mas essa obrigação de ser feliz também é subjetiva, pois o que é a felicidade, senão a atitude de se fazer história e, entre um erro e outro, acertar?Ter aquela comemoração dentro de si por realizar um projeto do qual se tem orgulho... A verdade é que sempre procuramos por nós mesmos e não sabemos que somos isso... Somos o que fazemos, a nossa história... Nossas alegrias, nossa felicidade é o que vivemos... A nossa vida não está em algum lugar, parada, esperando que atinjamos nossos objetivos, como se estivéssemos esperando algo acontecer, pra começarmos a viver... Acho que, no fundo, queremos ser felizes como aquela modelo, na capa da revista, mas isso é um erro, pois não sabemos o quanto na verdade ela é feliz, jamais saberemos "o quanto" alguém é feliz, assistimos apenas alguns momentos dos outros, enquanto vivemos permanentemente conosco... Sempre aquele casal parecer mais feliz do que nós, entretanto não observamos seus momentos a sós... A vida em si é maravilhosa, essa possibilidade de escolha, de caminhos, de oportunidades... Talvez, muitas vezes vivemos erradamente, desviamos do nosso objetivo e por isso achamos que a vida não é tão boa assim... O que nos traz felicidade não é amor, nem dinheiro, nem nada que possa ser adquirido...A felicidade não se compara, não se mede, nem se captura. Para sermos felizes, temos que acordar todas as manhãs, predispostos a isso, é uma decisão, aceitarmos a vida como ela é: com seus bons e maus momentos, alegrias e reveses, é assim a vida da modelo, é assim a vida de todo mundo. Desde pequenos somos programados para sermos "felizes para sempre" como a Cinderela, ao lado do seu príncipe encantado e passamos a vida inteira não aceitando menos do que a felicidade total, aquela dos contos de fada que, pra falar a verdade, ninguém nunca explicou como é. Apenas "felizes para sempre!”. Então quando nos deparamos com aquela vidinha de acordar todo dia, ir para o trabalho, resolver questões corriqueiras, etc., ficamos no aguardo da chegada do momento de sermos felizes, aí chega aquele dia que percebemos que se passaram muitos anos e esse momento não chegou ainda...Na verdade chegou, passou e voltou, mas nós não o vimos, pois estávamos parados, esperando outra coisa...aquela felicidade que vem, não pela alegria de viver, mas sim, uma felicidade "comprovada", como se a felicidade tivesse "atestado" de existência.Acredito que, para ser feliz, há que se atentar para o espetáculo que é viver, deixar se levar pelas coisas que trazem prazer, abrir os olhos para a trama da vida, enxergar com bons olhos as dificuldades.Fazer a história, rir de coisas que nos fizeram chorar no passado, abrir os olhos para o milagre, viver!Problemas todas as pessoas tem, temos é que saber qual a importância damos aos problemas e qual damos às nossas conquistas, realizações, felicidades... Temos que aprender a sermos felizes, pois a felicidade se aprende, olhando o mundo com outros olhos, os olhos de quem acredita, anseia e faz...
Só assim, perceberá que realmente é encantador viver...

2 comentários:

Morenalove disse...

Passando rapidinho pra deixar uma beijoca, depois leio o texto.

:)

Usuale disse...

Oi! Tem um site muito bacana que possui mais de 50.000 acessos ao dia e fazem parceria com blogs/sites, vale a pena! Eu já fiz o meu!Só lembrando que como se trata de uma parceria você tem que colocar o selo deles também no seu blog/site, que você pode pegá lo no mesmo link abaixo!Senão você não receberá acessos!

Aí vai o link: http://www.guiademulher.com.br/enviar_blog.php

Um abraço!

A hora no mundo